Image de Publicidade

SUMIÇO DE BEBÊ EM BELÁGUA NO MARANHÃO COMPLETA 04 DIAS SEM SOLUÇÃO

 

O sentimento de aflição e ansiedade que tomou conta dos moradores de Belágua/MA, na manhã desta sexta-feira, 21, quando surgiu a notícia do desaparecimento de um bebê de menos de 2 meses de vida, infelizmente foi abafado pelo silêncio e dúvida, quanto o que realmente aconteceu. Até o momento, não há novas informações sobre o caso.

Homens das Polícias Militar e Civil, além do Corpo de Bombeiros, Conselho Tutelar e outros, permanecem em Belágua, acompanhando as investigações.

Enquanto aguardamos o fim desse mistério, na torcida que o pequeno Jhonatan seja localizado com vida, fazemos aqui uma pequena cronologia dos fatos:

DESAPARECIMENTO:

Jhonatan Alves dos Santos, desapareceu do quarto dos pais, segundo o que apontam, durante a madrugada. O recém-nascido dormia, segundo relato do casal à Polícia, numa rede, próximo a cama. Os pais só deram conta do desaparecimento da criança por volta das 06h da manhã de sexta, 21.

DÚVIDA SOBRE RAPTO:

Ao ouvir os pais do menor, identificados como Tadeu e Eudilene, investigadores da Polícia Civil passaram a desconfiar da hipótese de rapto, isso por conta da frieza do casal, confirmada por vizinhos e familiares dos mesmos, os quais nossa redação entrou em contato. Apesar de não demonstrarem o “desespero” esperado, perante uma situação como essa, os pais afirmaram não saber do paradeiro da criança, e negaram qualquer responsabilidade no sumiço de Jhonatan.

As investigações continuam, seguindo várias linhas.

SEGURANÇA FRÁGIL:

Um ponto que chamou atenção da nossa reportagem, foi repassado por um tio do menor desaparecido, identificado como Rafael, que informou que a casa da família não tinha uma porta nos fundos, apenas uma espécie de “cancela” , e que no quarto havia apenas uma cortina. Obviamente isso facilitaria a entrada de alguém durante a noite. (Reveja Aqui)

POPULAÇÃO COBRA RESPOSTAS:

Cansados de tanto mistério e exigindo respostas, populares se reuniram na noite de sábado, 22, e fizeram uma manifestação nas ruas. Com cartazes, eles pediam justiça. (Reveja Aqui)

POLÍCIA CIVIL E CORPO DE BOMBEIROS DE CHAPADINHA SE UNEM AS BUSCAS:

Buscando dar uma resposta à população, Agentes da Polícia Civil e homens do Corpo de Bombeiros de Chapadinha, se dirigiram a Belágua na manhã de domingo 23, para auxiliar nas investigações e buscas ao menor desaparecido. A chegada do reforço reacendeu a esperança dos moradores do município, que se concentravam em frente a residência da família, ansiosos por respostas.

PREFEITO DO MUNICÍPIO SE PRONUNCIA:

Consternado com a situação, o prefeito do município, Hérlon Costa (Pode), emitiu nota ao público, expressando sua solidariedade a família e colaboração com o caso. O prefeito disse que toda a estrutura do município está à disposição dos envolvidos, mencionando sua confiança nas autoridades que acompanham as investigações.

PRONUNCIAMENTO DA POLÍCIA, BOMBEIROS E DELEGADO:

Sem respostas concretas e dada a inquietante ânsia dos populares, as autoridades envolvidas, Polícia Militar, Civil e Corpo de Bombeiros, fizeram um pronunciamento aos moradores, destacando os pontos levantados até o momento. A “coletiva” aconteceu na manhã deste domingo, 23, em frente a residência do bebê desaparecido, com a promessa de que tudo estaria sendo feito, para que se chegasse a elucidação do caso.

PERMANECEM DÚVIDAS E ESPERANÇA:

Bom, mais de 80 horas depois, até a noite desta segunda-feira, 24, ainda não há informações que leve ao desfecho desse mistério, que virou notícia em todo o Maranhão, e inclusive em páginas nacionais.

Via: Aconteceu virou notícias 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: