Gestores escolares comemoram o anúncio de reforma de 211 escolas da rede estadual

img_4396

“Isso comprova o olhar diferenciado que este governo tem para com a educação, dando-lhe esse caráter de prioridade. E só se pode pensar em educação de qualidade, em ‘Escola Digna’, com investimentos em todas as áreas, a começar pela infraestrutura. Nós sonhamos e lutamos por essa reforma há mais de dez anos. Foi o nosso melhor presente de Natal que já recebemos.” A frase cheia de entusiasmo mostra a felicidade do professor Wilson Chagas, gestor da Unidade Escolar Maria José Aragão, escola da Rede Estadual de Ensino, na Cidade Operária, que há 15 anos espera por uma reforma estrutural.

A escola que atende a 990 alunos está entre os prédios escolares do estado, em 117 municípios, que serão reformados pelo governo até o fim do primeiro semestre de 2017. O anúncio foi feito na tarde desta terça-feira (27), junto com a assinatura da ordem de serviço pelo governador Flávio Dino e o Secretário Felipe Camarão.

O C.E. Benedito Leite, tradicionalmente conhecido como “Escola Modelo”, também esta na lista das escolas a serem reformadas. O prédio histórico foi reformado pela última vez em mil 1998. Depois de quase duas décadas, os problemas na infraestrutura da escola se acumularam. Agora, a esperança ressurgiu na comunidade escolar. “Estou muito feliz! É uma luta que já dura quase 20 anos. Felizmente agora, fomos contemplados com a reforma. Esta escola é Patrimônio Histórico. Estava ali deixada, sem manutenção há muito tempo, e agora a comunidade está honrada com a contemplação da reforma”, disse Edilene Batalha gestora da Escola Modelo.

O anúncio da reforma também encheu de alegria a comunidade escolar do C.E. Professor Barjonas Lobão, no bairro do Cohatrac. A escola construída há 22 anos, tem capacidade para atender a 3 mil alunos, mas, atualmente atende a 1.360 por falta de estrutura, pois há dez anos o prédio escolar não passa por uma reforma integral. “Estamos realmente contagiados pela alegria! A gente já vinha lutando há muito tempo por isso. Os alunos merecem melhores condições de aprendizagem, os professore, melhores condições de trabalho. Foi uma vitória mesmo, uma grande conquista”, destacou Veridiana Santos Pinheiro, gestora geral da escola.

“Chegar ao final do ano com uma notícia desta, é realmente muito impactante. A empresa já esteve lá na escola, nesta quinta-feira vendo a estrutura do prédio. Então, só temos a agradecer ao governador por essa obra tão esperada”, disse Valderlane Araújo Pontes, gestor auxiliar do Barjonas.

Investimento

O Governo do Maranhão prevê investimento de R$ 27 milhões para a recuperação das 211 escolas em 117 municípios do estado. Com a reforma de mais essas unidades, o Governo do Estado, por meio do programa ‘Escola Digna’ chegará ao número de 574 prédios escolares recuperados, beneficiando até o final do primeiro semestre de 2017.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: